casaprado

Buscar

Produtos encontrados: 23 Resultado da Pesquisa por: em 11 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Produtos encontrados: 23 Resultado da Pesquisa por: em 11 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

CAMISA MANGA LONGA: UM VESTUÁRIO QUE RESISTE AO TEMPO

 

Quem vê e usa uma camisa manga longa hoje em dia nem imagina o quão antigo esse modelo de roupa é. Parte do guarda-roupas masculino há muitos séculos, essa peça possui muita história para contar, visto que acompanha a evolução da sociedade e da moda. Assim, se você gosta de usar uma camisa de botão, saiba que essa peça de roupa é realmente um clássico atemporal.

No entanto, se engana quem pensa que ela sempre teve o mesmo status e não tenha passado por nenhuma mudança. Na idade média, a camisa manga longa masculina não era considerada vestimenta de elegância, por exemplo. Ainda assim, era uma peça bastante democrática - reis, nobres e plebeus a utilizavam -  em uma época em que, muito mais do que hoje, as roupas indicavam a riqueza e o poder de uma pessoa.

O fato é que, há alguns séculos, as camisas de botão eram, pasmem, vistas como “roupa de baixo” ou até mesmo pijama. Feita de algodão, a camisa manga longa não tinha punho ou colarinho, e sua principal função era proteger os tecidos mais nobres que eram usados sobre elas do suor e dos odores do corpo. Entre as classes mais baixas, a camisa era vista como roupa de trabalho, seja no campo, seja em funções como marcenaria ou construção. Pois é. Levaria algum tempo para que ela se tornasse o que é hoje. 

 

CAMISA MANGA LONGA: A TRANSFORMAÇÃO PARA O QUE ELA É HOJE

Entre os séculos 18 e 19, a camisa de manga longa passou a ser usada da forma como ela é até hoje. A peça passou a ter colarinho e punhos, aumentaram de proporção e começaram a ser adornadas com diferentes detalhes, que vão de bordado à pedraria. Nesta época, a moda era utilizar um tipo de manga diferente do atual. Chamada de “manga bufante”, ela era caracterizada por ser larga na região do antebraço e ajustada nos punhos. 

Foi no século 20, no entanto, que o estilo de camisa - e basta imaginar uma camisa que você tenha no seu guarda-roupas para entender - se consolidou. Especialmente após a Primeira Guerra Mundial, a camisa masculina se tornou um vestuário elegante, porém prático e sem muitos adornos como outrora. 

Durante as décadas seguintes, as surgiriam modelos de camisas dos mais diversos, que dialogavam sempre com as tendências do momentos e iam muito além da camisa social masculina. Exemplos clássicos para compreendermos essas mudanças são as camisas rockabilly, típicas dos anos 50, as camisas hippies - que esbanjavam cores, estampas e trouxeram de volta a manga bufante -, dos anos 60 e as camisas discos dos anos 70 e 80, com suas golas maiores, cores vibrantes e tecidos sintéticos, como viscose e poliéster.  É possível citar ainda, as camisas manga longa xadrez, que fizeram muito sucesso nos anos 90.

 

CAMISA MANGA LONGA NO SÉCULO 21: MIL E UMA POSSIBILIDADES

Se você é o tipo de pessoa que faz questão de usar camisa manga longa como parte do seu visual e estilo, saiba que está vivendo na melhor época para usá-la. Essa afirmação pode contradizer muitos saudosistas de décadas anteriores, em que o uso da camisa de botão era praticamente obrigatório. No entanto, é justamente a flexibilidade e o poder de escolha que fazem do século 21 um período tão fascinante para quem gosta de se vestir bem: você pode fazer isso de diversas formas.

Portanto, aproveite para conferir todas as opções de camisa manga longa da Casa Prado e descobrir toda a elegância, qualidade e autenticidade dos modelos da marca. Com mais de 60 anos de tradição em vestir bem, aqui é o lugar para todos os estilos, dos mais clássico e formais aos casuais e despojados.

 

Whatsapp